Bordel da capital

A situação de degradação do Teatro Dulcina é estarrecedora. A faculdade, por sua vez, sobrevive do aluguel do espaço para festas regadas a sexo, drogas e música eletrônica, não necessariamente nessa ordem.

COMPARTILHE
Notícia AnteriorBola de neve
Próxima NotíciaSem fôlego