Ufa, fim de semana. E cristal vira arma contra o estresse

Lilian Evangelista

Estresse. Quem nunca passou por isso? Um dos males do século, que pode anteceder doenças mais graves como a depressão, por exemplo, e que pode atingir até a mais calma das criaturas.

Vivemos de uma forma, onde não há como fugir, de passar por uma situação que nos faça sair do sério. Vivemos condicionados ao relógio, que nos faz estarmos sempre adiantados ao momento real, as nossas vontades e desejos que nos fazem querer tudo para ontem e quando somos contrariados, que Deus ajude o causador de nossa frustração.

Para redirecionarmos o olhar o universo nos presenteia a todo instante com suas maravilhas. A natureza tem a cura para as mais diversas doenças, e com o estresse não é diferente. Há séculos atrás vivíamos muito mais ligados à ela, e se percebermos que fazemos parte dela, teremos em nossas mãos o bem mais supremo e essencial para o nosso viver.

Entre essas maravilhas, estão as pedras e os cristais, que sempre mantiveram seu espaço, não somente por sua beleza que nos encanta o olhar, mas também por toda a sua energia que carrega o poder de transformar, revitalizar e desintoxicar quem utiliza de suas qualidades.

Por ser fácil de transportar, pode-se utilizá-lo das mais diversas formas, sem ter a preocupação de efeitos colaterais como qualquer outro tipo medicamento. Inúmeras são as recomendações com os cristais para situações estressantes, lembrando que tudo começa no corpo emocional, o que sentimos em nosso físico são os sintomas que já se iniciaram muito antes do que pensamos.

Manter o equilíbrio emocional não é tarefa fácil, e longe de ser utilizado como uma espécie de mágica, os cristais podem sim ser uma “força extra” para nos ajudar na busca desse equilíbrio.O acúmulo de situações mal resolvidas e o viver de expectativas, essa última acreditem, é a pior vilã de nossas vidas, que nos rouba as surpresas e milagres que acontecem diariamente e nem percebemos.

Deve-se então procurar por cristais que ofereçam esse tipo de energia, que traga consigo uma profunda sensação de paz e equilíbrio, que fortaleça a autoestima, a coragem que ajuda a superar situações adversas, pedras que tenham em sua designação a limpeza do ser espiritual, mas também do ambiente em que se vive, assim como tragam também a lembrança de que mais do que nossas buscas materialistas, existe a busca do eu interior, os dons espirituais que nos protegem e fortalecem contra os perigos desta nossa correria diária.