Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Bunker no Lago Sul

Advogado e empresário viram parceiros de Flávio

Publicado

Foto/Imagem:
Pontes de Miranda Neto II

Brasília funda cada vez mais na sujeira que jorra lá do Rio de Janeiro e escorre até o Lago Sul, Esplanada dos Ministérios e Praça dos Três Poderes. E o bombeiro hidráulico responsável por essa lambança é Flávio Bolsonaro. O senador, diz reportagem de capa da Crusoé, desta sexta, 30, mantém um bunker de 1,5 mil metros quadrados no bairro mais chic da capital da República. Os parceiros do filho do presidente são  o advogado Alan Belaciano e o empresário Cristiano Stockler. Veja trechos da matéria: “Até se mudar para Brasília no rastro de Flávio, a dupla não tinha grande atuação na capital federal. Especializado em direito desportivo e trabalhista, Alan Belaciano costumava despachar em processos que corriam majoritariamente no Superior Tribunal de Justiça Desportiva e na Justiça do Trabalho do Rio, onde defende interesses de jogadores de futebol. Já Stockler é dono de várias corretoras de seguros. Ambos já tiveram problemas com a polícia. Em 2005, Belaciano chegou a ser detido por se apresentar falsamente como juiz. Stockler, por sua vez, foi preso mais recentemente, no final de 2020, sob a acusação de integrar o famoso ‘QG da propina’ do então prefeito do Rio, Marcelo Crivella. Segundo a Promotoria, ele operava esquemas na área de saúde. Com a chegada dos novos inquilinos (na casa do Lago Sul), ela passou a ser visitada por interessados em resolver pendências no governo e por candidatos a cargos importantes que buscam a simpatia e o apoio do filho do presidente”.

Publicidade
Publicidade