Curta nossa página


Estudo com pets

Cães recebem mais carinho em casa do que gatos

Publicado

Autor/Imagem:
Sonja Tavares - Foto Reprodução

Um estudo recente liderado por pesquisadores da Universidade de Copenhague, determinou que os donos de animais de estimação parecem se importar muito mais com seus cães do que com seus felinos peludos. Ficou demonstrado que muitas vezes as ‘infinitas doses de carinho’ são destinadas ao ‘melhor amigo do homem’.

Os pesquisadores chegaram à essa conclusão entrevistando cerca de 18 mil donos de animais de estimação com idades entre 18 e 89 anos na Dinamarca, Áustria e Reino Unido. Entre as várias métricas utilizadas para o estudo, uma incluiu a Escala de Apego a Animais de Estimação de Lexington, que pede aos pesquisadores que respondam a mais de 20 declarações e perguntas variadas sobre a disposição dos proprietários de pagar pelo seguro saúde dos animais de estimação e tratamentos que salvam vidas.

“Embora as pessoas se preocupem mais com os seus cães do que com os seus gatos em todos os países, o grau de diferença variou dramaticamente”, disse Peter Sandoe, bioeticista da Universidade de Copenhague, na Dinamarca.

A diferença revelou-se maior na Dinamarca, com apenas ligeiras alterações nos indivíduos da Áustria e do Reino Unido. “Portanto, parece ser um fenômeno universal que as pessoas se preocupem muito menos com seus gatos do que com seus cães”, admitiu Sandoe.

O estudo apontou que “a diferença provavelmente dependerá de fatores culturais, incluindo se os animais passam muito tempo com os seus donos em casa”.

No entanto, as autoridades explicaram que são necessárias pesquisas adicionais para realmente identificar o assunto, uma vez que o seu estudo tinha limitações por analisar apenas dados de países europeus.

Em entrevista, Sandoe detalhou ainda que o estudo foi motivado por uma tendência de os donos de gatos parecerem gastar mais em cuidados veterinários do que os donos de cães, levantando assim a questão de saber se os cães estavam sendo melhor tratados do que os seus congéneres felinos.

Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2023 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.