Curta nossa página


3 a 0 no Nova Iguaçu

Fla dá passeio e coloca a mão na taça do Carioca

Publicado

Autor/Imagem:
Bartô Granja, Edição - Foto Reprodução/ABr

O Flamengo ficou mais próximo de encerrar o jejum de três anos sem títulos estaduais ao vencer o Nova Iguaçu neste sábado (30), por 3 a 0, no primeiro jogo da final do Campeonato Carioca, no Maracanã. Inspirado, Pedro marcou duas vezes e disparou na artilharia do estadual, com 11 gols. O terceiro gol do jogo foi contra, do volante Ronald. Os times voltam a campo no domingo (7 de abril), às 17h (horário de Brasília), para decidir quem será o campeão carioca de 2024.

O Flamengo pode até perder por dois gols de diferença que garante a taça. O desafio maior será do Nova Iguaçu, que precisará marcar quatro gols ou mais para faturar o título. Se fizer três gols, o time da Baixada Fluminense levará a decisão para a cobrança de pênaltis.

A partida começou intensa, com o Rubro-Negro marcando a saída de bola do time da Baixada Fluminense. A primeira chance real de gol foi aos nove minutos: após cruzamento certeiro de Cebolinha, Fabrício Bruno cabeceou com perigo na trave. Aos 17 minutos, veio o pênalti, após Ayrton Lucas ser derrubado na grande área, e coube a Pedro cobrar e inaugurar o marcador no Maracanã.

Com dificuldades de furar a defesa rubro-negra, o Nova Iguaçu teve boas chances de empatar com chutes de fora da área: a primeira, aos 32 minutos, com uma bomba de canhota do atacante Xandinho, que exigiu bela defesa do goleiro Rossi. A outra oportunidade foi aos 47, com Yan Silva, mas Rossi afastou a bola.

Antes do fim, Pedro marcou o segundo dele na partida, no entanto, houve intervenção do VAR, que anotou impedimento do atacante e o gol foi anulado. Após o intervalo, bastaram sete minutos de bola em jogo para Pedro balançar a rede novamente, A jogada começou com lançamento perfeito de Luís Araújo da direita para Everton Cebolinha na esquerda. O atacante disparou com a bola e até cruzar rasteiro para Pedro empurrar para o fundo da rede.

O Flamengo reduziu a intensidade e, desmotivado, o Nova Iguaçu pouco atacou. Aos 32 minutos, Arrascaeta tocou para Pedro, que se livrou da marcação de Gabriel Pinheiro, tentou dar um chapéu em Ronald, dentro da área. Ao tentar cortar a jogada, o volante do Nova Iguaçu acabou marcando contra, selando a vitória do Flamengo por 3 a 0.

Outras decisões

Pelo Campeonato Pernambucano, o Sport Club Recife derrotou o Náutico fora de casa, por 2 a 0, com gols de Gustavo Coutinho e Rafael Thyere, no Estádio dos Aflitos. Os times voltam a campo para decidir o título no próximo sábado (7), às 16h30, na Arena Pernambuco.

Paranaense – O Atlhetico venceu o Maringá por 1 a 0 fora de casa, com gol de Pablo. Os times decidem o título no próximo sábado (6), às 17h, na Ligga Arena, em Curitiba.

Mineiro – Atlético e Cruzeiro empataram em 2 a 2 na Arena MRV, Hulk e Bruno Fuchs marcaram para o Galo. Já Dinenno marcou para a Raposa, que também contou com gol contra do zagueiro Jemerson, do Atlético. As equipes fazem o jogo da volta no domingo (7), às 15h30, no Mineirão.

Gaúcho – Juventude e Grêmio não saíram do 0 a 0 na partida de ida da final no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul. Os times dedidem o título no sábado (6), às 16h30, na Arena Grêmio, em Porto Alegre.

Cearense – Também terminou sem gols o primeiro jogo da final, entre Fortaleza e Ceará, na Arena Castelão. A decisão ficou para o próximo sábado (6), às 16h40, novamente na Arena Castelão, em Fortaleza.

Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2024 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.