Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Brasília

Seca aumenta e Brasília vive em emergência

Bartô Granja, Edição

O Distrito Federal decretou está novamente em estado de emergência após dois dias consecutivos com umidade relativa do ar abaixo de 12%. Segundo a Subsecretaria de Defesa Civil, em Brazlândia a umidade ficou em 11%; o mesmo índice foi repetido no Gama.

Além do estado de emergência, a Defesa Civil classifica os níveis de umidade em mais dois tipos: o estado de atenção, quando a umidade fica entre 30% e 20% por cinco dias, e o de alerta, quando a umidade fica abaixo de 20% por três dias consecutivos.

A Subsecretaria de Defesa Civil alerta para os cuidados durante este período, como evitar atividades físicas e trabalhos ao ar livre entre 10h e 16h. Além disso, o cidadão deve aumentar a ingestão de líquidos e evitar banhos prolongados com água quente. No entanto, apesar do estado de emergência declarado, não existe qualquer norma legal que obrigue a adoção das medidas como suspensão de aulas e expediente de trabalho.

Em setembro, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu aviso vermelho para toda a região do Distrito Federal, diante da previsão de repetirem as mesmas condições climáticas registradas. Na época, o Gama registrou recorde de 8% de umidade relativa do ar.

Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente