Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Mundo

Trump anuncia novas sanções contra aiatolás

Bartô Granja, Edição

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, instruiu seu governo a aumentar as sanções contra o Irã. “Acabei de instruir o secretário do Tesouro a aumentar substancialmente as sanções ao país do Irã!” Trump disse via Twitter.

As sanções parecem fazer parte da resposta de Trump ao suposto envolvimento do Irã nos ataques de fim de semana às instalações petrolíferas sauditas.

O comunicado foi divulgado após o ministro da Energia da Arábia Saudita, príncipe Abdulaziz bin Salman, afirmar em 17 de setembro que a produção de petróleo voltou aos níveis anteriores.

Antes disso, a Saudi Aramco precisou fechar dois de seus compostos, as instalações de Abqaiq e Khurais , depois que foram atingidos por drones e pegaram fogo. O incidente levou a um corte na produção de petróleo, totalizando 5,7 milhões de barris por dia – cerca da metade da produção diária de petróleo da Arábia Saudita. O fechamento das instalações provocou um aumento nos preços do petróleo em todo o mundo.

Autoridades dos EUA, incluindo Trump, acusaram o Irã de ser responsável pelos ataques de 14 de setembro. Teerã negou veementemente as acusações. O movimento houthi, contra o qual Riad e seus aliados travaram uma guerra de quatro anos, assumiu a responsabilidade pelo ataque e prometeu mais ataques .

As tensões entre o Irã e os Estados Unidos aumentaram recentemente. As relações pioraram substancialmente no ano passado depois que o presidente dos EUA, Donald Trump, retirou seu país do acordo nuclear de 2015 com o Irã e começou a reimpor sanções.

Em maio e junho, Washington culpou o Irã por uma série de incidentes de segurança, incluindo ataques a navios-tanque no Golfo de Omã, e aumentou sua presença militar no Oriente Médio. O Irã rejeitou as acusações e acusou os Estados Unidos de tentar encontrar um pretexto para o conflito.

Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente