Curta nossa página


Ano de 2015 marca retorno de um amor afastado, diz vidente

Publicado

Autor/Imagem:


Trazendo felicidade para pessoas predestinadas, esse novo ano consolida o retorno definitivo daquele amor que já esteve presente e partiu. O acontecimento mais importante na esfera dos afetos de alguns será a volta de uma paixão afastada pelo tempo.

Os laços e amarrações das paixões são assim mesmo. Quando chega a hora, ela não pode ser detida ou interrompida por nada. O esotérico ultrapassa todo e qualquer obstáculo ou impedimento da materialidade, do racionalismo, do cotidiano. Ele ordena, busca, captura, resolve, acerta.

Se o momento, ao longo desses próximos doze meses, for de novo encontro, reenlace, as coisas vão fluir, se movimentar. Deixam de marcar passo, saem da morosidade da espera, avançam, se dinamizam.

Acontecimentos e circunstâncias (muitas vezes surpreendentes e inesperadas) aproximam o par amoroso. Aquilo que parece ser apenas de uma associação aleatória de circunstâncias, na verdade é uma coesão sistêmica apoiada nas regras (nem sempre identificáveis, ou identificáveis com facilidade) das tramas cósmicas.

Quando o destino nos leva por esses caminhos, está realizando um processo bastante intenso. Um amor que já foi experimentado, que por uma ou outra razão não se manteve e que, depois de algum tempo (mais ou menos curto), renasce, revela sua força – bem maior do que a média de entrosamento de energias que temos por aí.

Um amor que brota de novo após ter sido cortado desafia a ordem das coisas, revela a força de sua verdade cármica. Um amor assim, um amor desses que fez a “prova dos nove”, especial, aprofunda a autenticidade dos nossos compromissos, chama a nossa atenção e nos desperta para as possibilidades positivas que podemos encontrar em meio ao caminho confuso e tortuosos das nossas peregrinações por aqui.

Amores assim, fênix estranhas, precisam hibernar, sair de cena por alguns meses (até mesmo anos), como se buscassem no afastamento e na solidão a força para reabastecer, ganhar teor dramático, e retornar ainda mais impactantes e cheios de doçura. Nesse contexto, o tempo de suspensão é preparatório para o reencadeamento, apenas uma forma da experiência ganhar corpo, densidade, sentido.

Se o seu percurso sentimental confronta esse desafio, não deixe de aproveitar a oportunidade que se abre nesse recomeço de ano: mentalize e busque apoio espiritual para que o repouso se converta novamente em agitação. Se estiver na moldura das predestinações para 2015, a roda se movimentará. Caso ainda não seja a hora, seu investimento de energias não será desperdiçado, ele impulsiona o que está travado, sacode a estagnação, ajuda a desengripar, abrevia os tempos de espera.

Quer saber mais sobre o trabalho de Marina Gold ou entrar em contato com ela, clique aqui.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2023 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.