Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Friozinho invernal

Árvores reduzem umidade e esquentam a fauna

Publicado

Foto/Imagem:
Carolina Paiva, Edição

O inverno é uma estação que requer muito cuidado por parte dos brasilienses. Nesta época do ano, o Distrito Federal sofre com a baixa temperatura pela manhã e a umidade baixa durante todo dia, que varia entre 16 e 20%, muito abaixo dos 60% recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Durante esse período, as árvores espalhadas pela capital são extremamente importantes para equilibrar o aumento da temperatura e ajudar na melhor qualidade de vida.

Quando a construção de Brasília começou, toda a extensão do que hoje é o Plano Piloto perdeu sua flora natural. Com isso, a Novacap começou um trabalho de arborização que perdura até os dias de hoje.

Mais de cinco milhões de árvores foram plantadas em todo o DF, distribuídas em 150 espécies que florescem durante todo o ano. Ao longo do inverno, mais de 30 espécies florescem, entre elas, os famosos pequizeiros e o pau-brasil.

E os benefícios vão muito além da beleza. Sem a arborização promovida pela Novacap, atravessar o período de seca poderia ser bem mais desagradável. Se não houvesse tantas árvores em Brasília, a temperatura, que varia entre 24 a 26 graus, poderia chegar a 35 graus ou mais.

Esse equilíbrio de temperatura é feito pelas árvores através da “troca de calor”, que ocorre por meio da evapotranspiração das plantas (perda de água do solo por evaporação e perda de água da planta por transpiração). Durante esse processo, as árvores liberam vapor de água na atmosfera, ajudando a refrescar o ambiente.

“Um planejamento urbano responsável precisa ter como prioridade a qualidade de vida da população. E a arborização urbana traz inúmeros benefícios: ameniza as questões climáticas, melhora a umidade do ar, protege o solo contra erosões, diminui a poluição sonora, absorve a poluição da atmosfera, entre outros inúmeros benefícios”, pontuou o presidente da Novacap, Fernando Leite.

Quem anda pelas ruas do Distrito Federal se encanta com a florada dos ipês-roxos que começou no final do mês passado. A espécie, considerada símbolo de Brasília, se torna nesta época do ano a sensação de moradores e visitantes. A Novacap tem catalogados cerca de 250 mil ipês em todo o Distrito Federal, de cinco espécies: roxa, amarela, branca, rosa e o raro ipê-verde.

E, em 2020, a companhia plantou cerca de 30 mil árvores. O Eixo Monumental recebeu mais de 3 mil mudas, e a Estrada Parque Taguatinga (EPTG), 2,5 mil. No programa de arborização deste ano, serão plantados mais de 40 mil ipês em todo o DF.

Programa de arborização da Novacap deste ano prevê que serão plantados mais de 40 mil ipês em todo o DF
A Novacap é responsável pelo plantio e manutenção de 165 milhões de m² de área verde, incluindo área gramada e área de vegetação espontânea. A manutenção é feita diariamente, durante todo o ano – inclusive durante a seca, período em que é feito o combate de pragas e a irrigação dos canteiros.

Publicidade
Publicidade