Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Curiosidades

Astrônomos tentam desvendar mistérios de Ultima Thule

Foto/Reprodução
Bartô Granja

Estranhas formações e formas foram reveladas em um conjunto de imagens após o rápido sobrevoo de um asteroide remoto por uma espaçonave da Nasa, levantando novas questões para astrônomos. As imagens de Ultima Thule, um objeto transnetuniano a mais de 4 bilhões de quilômetros da Terra, apresentam círculos e depressões impressionantes.

A espaçonave New Horizons, lançada em 19 de janeiro de 2006, passou pelo dumbell rochoso de forma estranha em 1º de janeiro a uma distância de aproximadamente 2200 milhas a uma velocidade de mais de 36.000 quilômetros por hora.

“Se essas características [na superfície rochosa] são crateras produzidas por impactadores, poços de sublimação, colapsos ou algo totalmente diferente, estão sendo debatidas em nossa equipe científica”, afirmou John Spencer, cientista do projeto New Horizons do Southwest Research Institute ( SwRI) em Boulder, Colorado.

Imagens do Ultima Thule, nome oficial 2014 MU69, exigiram uma precisão sem precedentes, especialmente porque o New Horizons é agora o objeto mais rápido que a humanidade enviou da Terra.

“Conseguir essas imagens exigiu que soubéssemos exatamente onde os minúsculos Ultima e New Horizons estavam – momento a momento – quando se cruzavam a mais de 32.000 mph na penumbra do Cinturão de Kuiper, um bilhão de quilômetros além de Plutão”, observou Spencer.

“Essa foi uma observação muito mais difícil do que qualquer coisa que tentamos em nosso voo de Plutão de 2015”, comentou o investigador principal da New Horizons, Alan Stern, também da SwRI, citado pela Space.com.

“As equipes de ciência, operações e navegação acertaram, e o resultado é um dia de campo para nossa equipe científica! Alguns dos detalhes que vemos agora na superfície do Ultima Thule são diferentes de qualquer objeto já explorado”, segundo a declaração da SwRI.

Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente