Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Mundo

Ataque a quartel deixa Venezuela em alerta total

Bartô Granja, Edição

Um grupo de ‘terroristas mercenários’, segundo versão do Ministério da Defesa da Venezuela, tentou invadir neste domingo, 22, uma unidade militar no sul do país, nas proximidades da fronteira norte com o Brasil.

Relatos preliminares indicam que um militar foi morto. A ação foi atribuída pelo governo venezuelano a grupos patrocinados pela oposição, que tem seu auto-proclamado presidente Juan Guaidó como adversário ferrenho do presidente Nicolás Maduro.

Não há detalhes sobre a capacidade ofensiva e de defesa da base, mas sabe-se que a instalação tem mísseis de médio e curto alcance, além de blindados, canhões e lançadores de morteiros.

Segundo os militares venezuelanos, as forças leais a Maduro rechaçaram o ataque. Um pelotão de soldados teria saído para capturar os agressores. Fala-se em cinco prisões. Os ‘mercenários’ já estão sendo interrogados pelas forças de segurança.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente