Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Bizu

Bebianno toma dores de Marinho; Flávio não é alvo

Pretta Abreu

Não se sabe se Gustavo Bebianno tem procuração de Paulo Marinho. Mas nem por isso o ex-ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República deixou de sair em defesa do dono da casa que serviu de QG para a campanha presidencial de Jair Bolsonaro. A esta coluna, Bebianno, defenestrado do cargo após litígios com filhos do capitão, garantiu que o empresário, suplente de Flávio Bolsonaro, não medirá esforços para ver seu novo desafeto cassado. A informação de que Paulo Marinho usará de todos os meios legais para ver o senador cassado “não procede. Isso nunca existiu. Paulo é um homem de alma nobre e nunca precisou desse tipo de coisa para ter sucesso na vida. Se o Flávio cair, será pelo seu próprio ‘mérito’ (meritocracia, no caso, burlesca). Foi o que disse Bebianno. Fica o registro.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente