Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Brasil

Bolsonaro ouve e aceita ‘equívocos’ de Decotelli

Pretta Abreu

O presidente Jair Bolsonaro decidiu manter Carlos Alberto Decotelli no Ministério da Educação. O presidente e o professor estiveram reunidos nesta segunda, 29, no Planalto. O ministro disse ter se equivocado ao incluir títulos de doutorado em seu currículo. Bolsonaro aceitou as explicações.

Depois, em postagem nas redes sociais, Bolsonaro sustentou que Decotelli tem”lastro acadêmico” e “reconhecimento como gestor”, o que foi conquistado ao longo de 42 anos de vida pública.

O fato de universidades da Argentina e da Alemanha terem dito que o novo ministro não obteve título de doutor ou pós-doutor naquelas instituições – como constou em seu currículo -, será considerado como um lapso de Decotelli.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente