Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Esportes

Botafogo joga aceso e goleia Cabofriense

Mário Camargo, Edição

Depois de mais de três meses longe dos gramados, o Botafogo voltou às atividades no Campeonato Carioca, com goleada, por 6 a 2, sobre a Cabofriense, pela quarta rodada da Taça Rio. Ainda sem ritmo e longe da forma ideal, o Alvinegro fez o dever de casa e conseguiu o resultado melhor do que o esperado, no Nilton Santos, com dois gols de Pedro Raúl, um de Cícero, um de Bruno Nazário, um de Luis Henrique e um de Caio Alexandre. Emerson Carioca e Diego Sales anotaram pela equipe da Região dos Lagos.

Com o resultado, o Botafogo chegou a sete pontos e igualou o Boavista na segunda colocação do Grupo A, mas ainda fica atrás no saldo de gols. O time de Paulo Autuori mantém as chances de classificação para as semifinais do segundo turno e volta a campo, na próxima quarta-feira, contra a Portuguesa, no Estádio Luso-Brasileiro.

O Botafogo começou a partida da melhor forma possível no Nilton Santos. Depois de ótima jogada individual e finalização cruzada de Luis Henrique pela esquerda, Pedro Raul apareceu na pequena área para abrir o placar, aos três minutos de jogo. A partir daí o ritmo da partida, foi, aos poucos, diminuindo e o Botafogo esbarrava na forte marcação adversária a partir da intermediária.

O Glorioso tentava explorar os contra-ataques sem sucesso. A equipe esbarrava nas dificuldades técnicas após longo período de inatividade. No final da primeira etapa, Cícero, que esteve próximo de deixar o clube, apareceu com um chute de fora da área, que desviou e foi parar no fundo da rede de George.

No início da segunda etapa, a Cabofriense assustou ao diminuir com Emerson Carioca. Pedro Raul, no entanto, voltou a dar tranquilidade ao Botafogo, quatro minutos depois, após aproveitar lançamento de Bruno Nazário para fazer 3 a 1 e se isolar na artilharia da equipe na temporada com seis gols. O time visitante voltou a incomodar quando Diego Sales converteu pênalti cometido por Luiz Fernando.

Sem pernas a Cabofriense parou por aí. Bruno Nazário aproveitou lançamento de Caio Alexandre e fez 4 a 2 para o Alvinegro, aos 29. O gol deu mais tranquilidade à equipe de Paulo Autuori. Em outra jogada individual de talento, Luis Henrique, outra cria da casa, fez fila e chutou de fora da área com a perna direita para marca o quinto. Caio Alexandre, que entrou na segunda etapa, ainda teve tempo de deixar o dele após assistência do peruano Lecaros pela direita. O meia acertou de fora da área para fechar o placar e decretar a vitória alvinegra.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente