Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Mundo

Caça russo faz avião de combate americano correr

Bartô Granja, Edição

Um avião de caça russo Su-27 interceptou um avião de reconhecimento Poseidon dos Estados Unidos ao se aproximar do espaço aéreo russo sobre o Mar Negro, informou o Ministério da Defesa da Rússia nesta sexta-feira, 5. O ministério disse que as Forças Armadas avistaram o alvo aéreo quando se aproximava  do território russo.

“Um caça a jato Su-27 como parte das defesas aéreas do Distrito Militar do Sul foi acionado para interceptar o alvo. A uma distância segura do alvo, identificou-o como um jato de reconhecimento Poseidon US P-8A, que foi obrigado a voar para longe da fronteira do Estado russo”, disse o ministério em um comunicado.

O jato russo realizou seu voo de acordo com as regras internacionais. Depois de completar sua missão, o Su-27 retornou à sua base, de acordo com os militares. No início do dia, chegou a circular um suposto vídeo de uma interceptação de uma aeronave de vigilância Poseidon P-8 por aviões de guerra russos perto da costa da Crimeia.

Atualmente, as forças dos EUA participam dos exercícios navais da OTAN Sea Breeze no Mar Negro. A Marinha Russa iniciou simultaneamente os seus próprios exercícios programados de “treino de combate” no Mar Negro.

De acordo com o jornal oficial das Forças Armadas russas, Krasnaya Zvezda, os jatos russos foram acionados três vezes na semana passada para impedir que aeronaves estrangeiras entrassem ilegalmente no espaço aéreo russo. Cerca de 26 aviões de vigilância estrangeiros foram vistos por forças russas perto de seu espaço aéreo na semana passada.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente