Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Bizu

Câmara contra salário alto a simples mortais

Pretta Abreu

Embora tenham um contra-cheque gordo – além de inúmeras outras vantagens, como habitação a custo zero, saúde e outros penduricalhos – os congressistas estão demonstrando preocupação com o que consideram salários acima do teto no funcionalismo público, em especial no Poder Judiciário. Para evitar que os simples mortais ganhem acima do teto constitucional, articula-se na Câmara um projeto para acabar de vez com os abusos no holerite.  Se vingar, a proposta vai gerar uma economia acima de um bilhão de reais. O projeto é claro: todo tipo de pagamento passa a estar sujeito ao teto, exceto (o que é o caso dos parlamentares) as verbas de caráter indenizatório.

Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente