Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Carpenter aproveita falha de adversário e vence prova noturna

Publicado

Foto/Imagem:


O norte-americano Ed Carpenter se beneficiou de uma falha do australiano Will Power nos instantes finais da corrida e faturou o Grande Prêmio do Texas, na noite de sábado. Foi a primeira vitória do piloto na temporada de 2014 da Fórmula Indy. Os brasileiros não tiveram papel de destaque na noite texana. Tony Kanaan, da Ganassi, terminou na sexta posição e Hélio Castroneves, da Penske, ficou só em oitavo.

Na última parada dos boxes, Power excedeu o limite de velocidade e foi punido, abrindo caminho para Carpenter assumir a ponta. O australiano foi para o sexto lugar, conseguiu se recuperar com pneus novos, mas não foi o suficiente para ultrapassar o americano na última volta. O colombiano Juan Pablo Montoya completou o pódio, 0,577s atrás do líder.

Simon Pagenaud, da Schimidt, e o companheiro de equipe de Kanaan, Scott Dixon, ficaram em quarto e quinto lugares, respectivamente.

Com pneus novos, Kanaan até conseguiu ótimos tempos em algumas voltas, porém o desempenho de sua Ganassi caiu muito após 15 voltas e terminou 2s446 atrás de Carpenter. A Penske de Castroneves não lembrou em nada o carro que venceu a última prova em Detroit e ficou só com o décimo melhor tempo.

Com a vitória, Carpenter foi aos 104 pontos, na 23ª colocação da Indy. Will Power chegou aos 370 pontos e segue na liderança. Os brasileiros Helinho e Kanaan estão na segunda e nona posições, com 331 e 189 pontos, respectivamente.

Confira a classificação final da prova do Texas:

1) Ed Carpenter (EUA/Carpenter)
2) Will Power (AUS/Penske) – 0,524s
3) Juan Pablo Montoya (COL/Penske) – 0,577s
4) Simon Pagenaud (FRA/Schmidt) – 1s151
5) Scott Dixon (NZL/Ganassi) – 2s151
6) Tony Kanaan (BRA/Ganassi) – 2s446
7) Mikhail Aleshin (RUS/Schmidt) – + 1 volta
8) Hélio Castroneves (BRA/Penske) – +1 volta
9) Ryan Briscoe (AUS/Ganassi) – + 1 volta
10) Charlie Kimball (EUA/Ganassi) – + 1 volta
11) Josef Newgarden (EUA/Fisher) – + 1 volta
12) Graham Rahal (EUA/Rahal) – + 2 voltas
13) Carlos Muñoz (COL/Andretti) – + 3 voltas
14) James Hinchcliffe (CAN/Andretti) – + 4 voltas
15) Jack Hawksworth (ING/BHA) – +4 voltas
16) Carlos Huertas (COL/Andretti) – + 4 voltas
17) Sebanstián Saavedra (COL/KV) – + 4 voltas
18) Takuma Sato (JAP/AJ Foyt) – + 10 voltas
19) Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti) – + 112 voltas
20) Sébastien Bourdais (FRA/KV) – + 130 voltas
21) Justin Wilson (ING/Dale Coyne) – + 130 voltas
22) Marco Andretti (EUA/Andretti) – + 245 voltas

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade