Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Brasília

Caxumba se espalha e casos dobram na cidade

Foto/Arquivo Notibras
Carolina Paiva

Há menos de um mês, uma agência da Caixa Econômica Federal na Asa Norte precisou ser interditada. Havia um surto de caxumba no local. Foi no dia 12 de abril.

De lá para cá, a Secretaria de Saúde ligou o sinal amarelo e descobriu uma triste realidade: os casos da doença em Brasília duplicaram em relação ao ano passado.

Até o dia 27 de abril foram 457 ocorrências da doença. No mesmo período de 2018, a Saúde contabilizou 222 registros.

Teoricamente mais bem esclarecidos, os adultos são as vítimas em potencial. Na terça-feira (7), o Centro Universitário UDF, na Asa Sul, confirmou oito casos de alunos infectados.

A direção da faculdade enviou um e-mail orientando os estudantes diagnosticados com a doença a se afastarem e a procurarem a vigilância epidemiológica dentro do campus da unidade de ensino.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente