Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Bizu

Cerco ao Congresso terá queda-de-braço com esquerda

Pretta Abreu

Os partidos de oposição vão às ruas no dia 18 de março, uma quarta-feira, três dias após o anunciado cerco ao Congresso Nacional e Supremo, defendido pelo presidente Jair Bolsonaro. Será uma queda-de-braço entre golpistas e democratas. Desafetos do Planalto filiados a legendas do Centrão e do próprio PSL prometem engrossar as fileiras do #Nãoaogolpe. Grandes centrais sindicais, como CUT, braço direito do PT, e os sem-terra, já estão mobilizados para encher a Esplanada dos Ministérios com suas bandeiras. A data será marcada também pelo dia nacional de paralisação dos professores.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente