Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Águas Lindas

Compra de voto para prefeito pode rolar na OAB

Publicado

Foto/Imagem:
Pontes de Miranda Neto II - Foto Reprodução

Eleitores teriam supostamente recebido dinheiro para votar em Lucas Antonietti, eleito prefeito de Águas Lindas no último pleito. A vitória teria custado uma grana por fora, conhecida como compra de votos. “Toma cinquenta, vota e volta aqui”, dizia o dono da mala. Provado o voto (era dizer a cor da blusa que o candidato vestia) a eleitora colocava mais cinquenta reais na bolsa. Há uma investigação eleitoral em curso, que pode cassar a chapa. Teme-se agora que a safadeza se repita na disputa pela Ordem dos Advogados naquela cidade do Entorno de Brasília. Não que tenha sobrado dinheiro da campanha da eleição municipal. Mas, bom que é como arrecadador de dinheiro sujo, o então dono da mala disputa agora a subseção da Ordem. Todo sabem que advogado não se vende, é verdade. Mas um afago aqui, outro ali, regado a uísque, podem mudar a história da eleição. No vídeo abaixo, o agora candidato à subseção distribui dinheiro para quem garantiu, com voto vendido, fazer de Lucas prefeito.

Publicidade
Publicidade