Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Mulher

Contentamento é a energia que atrai abundância

Vinicius Francis

Ultimamente, tenho sentido de escrever sobre temas relacionados à prosperidade e abundância. E um dos fatores que tem me inspirado a isso é a atual crise econômica no Brasil. Que nós sabemos, claro, tratar-se de uma crise de consciência; é simplesmente o novo empurrando o velho e nossas resistências lutando contra essa mudança que precisa ser feita para que subamos de nível.

E não há melhor momento para conversarmos sobre prosperidade que num momento de crise, porque isso significam saídas e soluções. Sim, a prosperidade é a energia da provisão de recursos das mudanças necessárias. Falando em abundância, nos deparamos com o contentamento, que é um estado de gratidão. Porém, mais que isso, ele é apreciação.

Contentamento é energia puramente positiva e isso só pode atrair coisas que vibram em frequências semelhantes. O entusiasmo, por exemplo, é uma energia positiva, todavia pode vir com uma série de expectativas e pretensões que, se não forem devida e sabiamente trabalhadas, podem gerar frustração. O contentamento é livre de quaisquer emoções do tipo, porque ele se baseia na apreciação.

Contentamento de alma é satisfação, alegria plena, preenchimento. E quantas pessoas você conhece que se encontram nesse estado? Bem poucas, não é verdade? Porque a maioria está sempre na busca frenética pelas coisas, vivendo uma vida cheia de metas e pouca realização no agora. O contentamento equilibra a pessoa entre a ambição e a estagnação. São polos perigosos de se estar. O ideal é vibrar no meio: nem extremamente ambicioso, ansioso, cheio de pressão e ânsia pelos resultados futuros nem estagnado, estacionado, inerte, simplesmente vendo a vida passar.

No contentamento, nos encontramos exatamente no meio. Não abrimos mão de nossos quereres e sonhos, porque o contentamento nos confere ânimo e motivação, nos abastece de força propulsora positiva para continuarmos rumo a nossas conquistas. Ao mesmo tempo, ele nos acalma, nos dá paz, nos ajuda a ficar bem agora.

O contentamento na prática nada mais é que abraçar aquilo que há de bom em seu presente, em sua realidade. Consideração pelo que já existe ali, satisfação pelo que já conseguiu e pelo que se encontra agora em sua vida. Podem ser suas conquistas profissionais, espirituais, sua família, seus amigos, bens materiais, não importa. O contentamento te propicia bem-estar e gratidão por estar em companhia destas coisas, mesmo que muitas outras, desejadas, ainda não estejam presentes no momento.

Uma pessoa que vibra em contentamento polariza-se numa frequência, cuja leitura seria algo do tipo: “Eu tenho aquilo que me faz bem”. E se é esse o recado emocional e energético que você vibra, então, haverá muitas reações e retornos bons, tanto em seu próprio corpo quanto em toda sua vida.

Um cérebro que potencializa a informação de contentamento libera hormônios do bem-estar ao corpo em abundância. O sistema nervoso relaxa, você respira melhor. Se respira melhor, envia oxigênio para as células de forma equilibrada e todo o organismo trabalha mais positivamente. Se sua saúde melhora, seu humor é alterado. Seus sentidos aguçam, seu campo vibrátil harmoniza-se com aquilo que te faz sentir bem.

E vivendo envolto num campo magnético equilibrado e positivo, as mudanças podem acontecer com mais facilidade. Quem vive em contentamento caminha numa posição de estar aberto para receber, para fluir, para construir, para atrair o melhor, para desfrutar do melhor hoje e do que certamente virá amanha. Visto que um bem puxa outro bem e a vida de uma pessoa em contentamento, assim, pela lei, deve seguir.

Que o Amor nos cure!

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente