Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Mundo

Covid deixa caminhoneiros presos na Inglaterra

Henry Nicholls - Reuters/Via ABr

O Reino Unido enviou militares adicionais para o Porto de Dover para ajudar a reduzir as filas de caminhões, após a retomada das viagens para motoristas que tiveram resultado negativo em testes para covid-19.

Os serviços de balsa entre Dover e o porto francês de Calais foram reiniciados na quinta-feira (24), encerrando vários dias de um bloqueio imposto pela França após a descoberta de uma nova variante do novo coronavírus na Inglaterra.

O tráfego estava fluindo lentamente pelo porto nesta sexta-feira. A maioria dos caminhões ainda está estacionada na rodovia enquanto os motoristas esperam para fazer testes antes de serem autorizados a embarcar nas balsas que cruzam o canal.

Foram enviados ao porto 800 soldados britânicos, além dos 300 que já estavam lá, informou a mídia britânica.

Os governos francês e britânico concordaram em encerrar o bloqueio mas as longas filas de caminhões devem levar dias para acabar, disseram as autoridades do Reino Unido.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente