Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Hong Kong

Covid faz aumentar casos de pesadelo durante sono

Publicado

Foto/Imagem:
Mary Manley/Via Sputnikbews - Foto Reprodução

Um grupo de pesquisadores detectou recentemente um aumento de duas a quatro vezes na difusão do comportamento de encenação dos sonhos – ou distúrbio comportamental do sono com movimentos rápidos dos olhos (RBD) – durante a pandemia de Covid-19.

Os pesquisadores do estudo sublinharam que as consequências a longo prazo da doença podem levar a sintomas e distúrbios neuropsiquiátricos em pacientes.

Enquanto os músculos devem estar paralisados ​​durante o sono REM, uma pessoa com RBD não terá a paralisia muscular necessária para ter uma boa noite de sono e realmente reencenar o que está sonhando.

“Eles podem socar ou agitar os braços no ar, fazer movimentos de corrida ou até pular da cama, às vezes resultando em ferimentos a si mesmos ou ao parceiro”, disse o principal autor do estudo, Yaping Liu, da Universidade Chinesa de Hong Kong.

O pesquisador fez suas descobertas após examinar dados do International Covid Sleep Study, realizado durante a pandemia entre maio e agosto de 2020. A pesquisa online compilou dados de 15 países diferentes em todo o mundo e perguntou aos entrevistados se eles tinham experimentado RBD durante a pandemia. Aproximadamente 26.500 indivíduos participaram da pesquisa.

“Descobrimos que a prevalência do comportamento de encenação de sonhos era duas a quatro vezes maior do que estudos anteriores que foram realizados na população em geral durante períodos não pandêmicos”, disse Liu. “Além disso, naqueles indivíduos que relataram um diagnóstico de Covid-19, foi duas ou três vezes maior, em comparação com indivíduos sem infecção”.

Os pesquisadores descobriram que o RBD foi mais comum durante a pandemia na população global e também foi comumente associado a pessoas com deficiência olfativa, humor, transtorno de estresse pós-traumático e sintomas de apneia obstrutiva do sono. Aqueles que foram diagnosticados com Covid eram duas a três vezes mais propensos a experimentar RBD ou comportamento de encenação de sonhos (DEB).

Adam Zeman, professor e especialista em distúrbios do sono da Universidade de Exeter, explicou que pode haver outros fatores contribuintes ligados à Covid e DEB, como estresse, ansiedade e problemas respiratórios. Além disso, Liu admitiu que suas descobertas são apenas uma prévia da ligação entre a pandemia e o RBD.

“Comportamentos de encenação de sonhos também podem ocorrer como resultado de outros distúrbios do sono, como apnéia do sono, e também foram relatados por pessoas com transtorno de estresse pós-traumático ou que estão tendo pesadelos”, disse Liu. “Eles podem ser intermitentes e desaparecem se outros problemas, como pesadelos, TEPT, estresse e emoções negativas forem melhorados.”

As descobertas da equipe foram publicadas no Journal of Sleep Research.

Publicidade
Publicidade