Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Ex-mulher de Bolsonaro

CPI decide investigar ligações de Ana Cristina com turma do lobby

Publicado

Foto/Imagem:
Pretta Abreu- Foto Reprodução das Redes Sociais

Ana Cristina Valle, ex-mulher de Bolsonaro e mãe de Jair Renan, filho 04, vai depor na CPI do Genocídio.  A convocação foi aprovada nesta quarta, 15, em meio ao depoimento do lobista Marconny Faria, com quem a ex-futura-quase-primeira-dama tem ligações próximas. Autor do requerimento, Alessandro Vieira (Cidadania-SE), disse que Ana Cristina atuou para beneficiar gente de dentro e de fora do governo. Ela mudou-se recentemente para Brasília, onde é assessora da deputada bolsonarista Celina Leão (PP-DF), com salário de cerca de 7 mil reais. Mesmo assim, alugou uma luxuosa mansão no Lago Sul, bairro mais nobre da capital da República.

Publicidade
Publicidade