Curta nossa página


Eliana define chapa com evangélicos e leva Fraga para o Senado

Publicado

Autor/Imagem:


Um representante da Igreja Evangélica deve ser anunciado nos próximos dias como vice-governador na aliança encabeçada pela deputada distrital Eliana Pedrosa (PPS).  Subestimados pelo PT, os evangélicos foram alijados da composição da chapa majoritária que tentará reconduzir Agnelo Queiroz ao Palácio do Buriti.

A vaga deve ser preenchida pelo deputado federal Bispo Vítor, do PRB carioca, que transferiu seu domicílio eleitoral para Brasília no ano passado, ou por seu colega do Pros brasiliense Ronaldo Fonseca, um ex-aliado do governador Agnelo Queiroz.

As negociações de Eliana Pedrosa para formar a chapa que disputará o governo e a única vaga ao Senado que estará em jogo em outubro,  receberam o aval de Roberto Freire, presidente nacional do PPS.

Independente da definição do nome que representará os evangélicos, já é certo que o ex-deputado Alberto Fraga, presidente regional do Democratas,  será o nome da coligação para concorrer ao cargo de senador.

A costura promovida por Eliana Pedrosa deve ganhar mais alguns ajustes até meados de junho, quando outras candidaturas colocadas na mesa de discussão devem refluir. A maior aposta é na desistência de Luiz Pitiman (PSDB), que tentaria a reeleição para a Câmara dos Deputados com o apoio da aliança encabeçada pelo PPS.

Outro fato que pode alavancar essa coligação será o virtual abandono do ex-governador José Roberto Arruda de tentar voltar ao Palácio do Buriti. Há quem aposte que o representante do PR não se livrará das ações que correm na Justiça Eleitoral.

Se essa aposta por vitoriosa, Liliane Roriz (PRTB), indicada como vice numa suposta chapa de Arruda, voltaria para a Câmara Legislativa, com força suficiente para presidir o Legislativo brasiliense e se cacifar para chegar com força ao Executivo em 2018.

Felipe Meirelles

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2023 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.