Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Mundo

Esposa e genro mandam Trump jogar a toalha

Bartô Granja, Edição

A primeira-dama dos Estados Unidos, Melania Trump, juntou-se ao coro crescente de pessoas próximas ao presidente Donald Trump que o aconselharam a aceitar a derrota para Joe Biden, disse uma fonte familiarizada com as conversas.

Embora não tenha feito comentários públicos sobre a eleição, em particular Melania deu sua opinião, disse essa pessoa. “Ela deu sua opinião, como sempre faz”, disse a fonte citada pela CNN.

Mais cedo, o genro e conselheiro de Trump, Jared Kushner, abordou o presidente sobre o reconhecimento da derrota na eleição, segundo duas fontes ouvidas pela CNN.

No sábado (7), a projeção da CNN indicou que o democrata venceu a disputa na Pensilvânia e se tornou o presidente-eleito dos Estados Unidos.

O conselho de Kushner foi feito após a afirmação de Trump, em um comunicado de sua campanha, dizer que Biden está “correndo para se passar por falso de vencedor” e que o corrida está “longe de terminar”.

A vice-gerente de campanha da chapa Biden-Harris, Kate Bedingfield, disse, na noite de sábado (7), que não houve comunicação entre Biden e Trump, ou entre quaisquer representantes de ambas as campanhas, após o anúncio do resultado eleitoral.

Na manhã deste domingo, Trump voltou a usar sua conta no Twitter para contestar o resultado da eleição e pedir que a população aguarde todos os votos serem validados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente