Curta nossa página


Federais prendem funcionário da Caixa por importar maconha

Publicado

Autor/Imagem:


Agentes da Polícia Federal prenderam um funcionário da Caixa Econômica Federal suspeito de plantar maconha no apartamento dele, com sementes compradas no exterior pela internet.

Na casa do servidor, na 313 Norte, os agentes encontraram dois pés da planta, uma porção de maconha prensada, adubo e fertilizante. A prisão ocorreu na última sexta-feira (27), com ordem judicial.

Segundo a PF, o suspeito afirmou que as plantas eram para produção da droga para consumo próprio, mas ele deve ser indiciado por tráfico internacional de drogas, já que as sementes foram importadas. Se condenado, ele pode pegar entre 5 e 15 anos de prisão.

De acordo com o chefe da Delegacia Regional de Repressão de Entorpecentes, Kel Lucio de Souza, cerca de 30 casos semelhantes já ocorreram no país desde 2012. Ele afirma que a maior parte das sementes entra por São Paulo e vem da Holanda, Polônia e Reino Unido.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2023 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.