Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Veículos

Fusion incorpora nova grade e aerofólio na tampa do porta-malas

Foto/Divulgação
Mário Camargo, Edição

A Ford mostrou uma “reestilização” do Fusion para o Salão de Nova York. O evento ocorre entre 30 de março e 8 de abril na cidade norte-americana. As mudanças são menores do que se esperava para o sedã médio-grande.

Basicamente, o Ford Fusion ganhou uma nova grade e um aerofólio na tampa do porta-malas. Há ainda faróis de neblina com novos formatos e lanternas de LEDs. A Ford reduziu o número de versões e, com isso, aumentos os equipamentos para as que restaram.

Desde a versão de entrada, S, há sistemas de auxílio a condução batizado de Co-Pilot360. Entre eles estão a frenagem de emergência com detecção de pedestre e alertas de ponto cego e de manutenção em faixa. Há ainda câmera traseira e faróis alto automáticos.

Seguem à venda as versões SE, SE Hybrid, SEL, SEL Hybrid, Titanium e Titanium Hybrid. A SE Luxury Package saiu de linha, assim como a Platinum. A variante Plug-in híbrida, Energi, vem agora apenas a versão de topo Titanium. Ela ganhou um novo pacote de baterias de íons de lítio de 9 kWh que permite ao modelo rodar até 40 km usando só o modo elétrico.

Motorizações – não menos importante é o retorno da versão V6 Sport ao Ford Fusion. A base é o motor V6 2.7 Ecoboost que rende 328 cv e 52,1 mkgf. O câmbio, nesse caso, é um automático de seis marchas e a tração, integral.

Na versão de entrada, a S, o motor oferecido continua sendo o quatro cilindros 2.5. No Brasil, ele tem tecnologia flexível. Todas as opções que usavam o 2.0 turbo Ecoboost de 240 cv, que foi aposentado, agora vão com um 1.5 Ecoboost turbo. Esse motor é um quatro cilindros e nada tem com o 1.5 Dragon de três cilindros do EcoSport brasileiro.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente