Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Galo esbarra no 0x0 com Criciúma e encerra sequência de vitórias

Publicado

Foto/Imagem:


A torcida atleticana fez a parte dela, esgotando os ingressos no Ipatingão, mas dentro de campo o Atlético-MG não conseguiu corresponder e ficou no empate em 0 a 0 contra o Criciúma. A igualdade no placar encerra a sequência de três vitórias seguidas no Campeonato Brasileiro, impedindo a aproximação com os clubes do G-4.

O excesso de erros de passes foi um dos principais fatores que atrapalharam o desenvolvimento do Atlético-MG na partida. Se nas jornadas anteriores o time mineiro não sentiu a falta de jogadores lesionados, neste domingo a história foi diferente, já a que a transição do meio-campo para o ataque não funcionou. Com o resultado, os mineiros chegam aos 11 pontos, contra oito dos catarinenses.

Na sequência do Campeonato Brasileiro, o Atlético-MG terá novo compromisso em Ipatinga. O time mineiro recebe o Fluminense, na quarta-feira, no Ipatingão. Já o Criciúma joga também na quarta-feira, mas diante de sua torcida, recebendo o Coritiba, no Heriberto Hulse.

Contando com o apoio da torcida, que esgotou os ingressos no Ipatingão, o Atlético-MG iniciou a partida bastante animado, explorando as jogadas em velocidade com Diego Tardelli e Marion. Os laterais Alex Silva e Emerson Conceição também apoiaram muito, o que obrigou o Criciúma a redobrar os cuidados defensivos.

Dominando a posse de bola, o time mineiro adotou a estratégia de girar o jogo de um lado para outro do campo na tentativa de encontrar espaços na fechada defesa catarinense. Chutes de fora da área e cruzamentos em excesso procurando o avante André, também foram muito usados pelo Atlético-MG. Os visitantes só conseguiram ameaçar o time mineiro nos contra-ataques, quase sempre perigosos.

No melhor momento do Criciúma, aos 15min, Bruno Lopes recebeu lançamento na direita e finalizou cruzado para ótima defesa do goleiro Giovanni. O técnico Levir Culpi não gostou nada do lance e exigiu atenção na marcação dos catarinenses, principalmente no lado direito ofensivo do time catarinense.

Após os 20min, o Atlético-MG passou a imprimir um ritmo mais lento ao jogo, em parte fruto do excesso de erros de passes, que não permitiram ao time mineiro finalizar muito contra a meta do goleiro Luiz. Já no final da etapa inicial, os mineiros retomaram o controle da partida, mas ainda falhando no passe final, facilitando o trabalho da zaga do Criciúma.

Logo na volta para os segundo tempo, o Atlético-MG quase chegou ao gol com o avante André, que aproveitou bom cruzamento de Marion e desviou de cabeça, com a bola passando muito perto da trave direita de Luiz. O Criciúma respondeu com João Vitor, em excelente cobrança de falta, que acertou a trave de Giovanni.

Os dois lances de perigo serviram para deixar a partida mais movimentada. Os visitantes resolveram agredir o time mineiro, dando mais espaços para os contra-ataques. Aos 14min, Dátolo cobrou falta com relativo perigo, mas ninguém do Atlético-MG chegou para completar para as redes. Percebendo que a partida atleticana não era das melhores, a torcida passou a empurrar o time na base do grito em busca do gol.

A estratégia surtiu efeito, e o time mineiro conseguiu ser um pouco mais efetivo no campo de ataque. Aos 18min, Dátolo cobrou falta com precisão, mas Luiz se esticou todo para evitar a abertura do marcador. Aos 25min, André tentou de cabeça, mas Luiz voltou a salvar o time catarinense, no rebote, Dátolo rolou para Marion, que sem goleiro perdeu um gol incrível.

O time mineiro seguiu pressionando até o apito final, mas com a pontaria descalibrada, os donos da casa não conseguiram balançar as redes, desperdiçando várias chances no segundo tempo. O empate diante da torcida impede os mineiros de somar a quarta vitória seguida, acabando com a ascensão atleticana no Brasileiro.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade