Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Curiosidades

Geleira que derreteu ganha enterro simbólico

Bartô Granja, Edição

Centenas de pessoas se reuniram no leste da Suíça para se despedir de uma geleira que está prestes a desaparecer. O evento foi no domingo, 22. Muitas estavam vestidas de preto na vigília da geleira Pizol, nos Alpes de Glarus.

Quando pesquisas na geleira tiveram início, há mais de 120 anos, acredita-se que a espessura do gelo era de quase 100 metros. Mas hoje em dia, é de apenas cerca de 2 a 5 metros.

Pesquisadores afirmam que mais de 500 geleiras nos Alpes Suíços já desapareceram. E preveem que a Pizol deva se derreter por completo em poucos anos.

Um cientista especialista em geleiras na Universidade ETH de Zurique, Matthias Huss, afirma que é tarde demais para salvar a geleira Pizol. No entanto, cobra ações urgentes, dizendo que “devemos fazer tudo o que for possível para que possamos mostrar uma geleira na Suíça daqui a 100 anos para nossos filhos e netos.”

Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente