Sol Nascente, 5

Governo anuncia obras, começa, mas as máquinas voltam a parar

Foto/Arquivo Notibras
Pedro Nascimento

De acordo com o Governo de Brasília as obras no Sol Nascente estão à todo vapor. Mas o que era para ser entregue no final de 2017 com o intuito de diminuir danos causados pelas chuvas, ainda está longe de sair do projeto.

Até o momento, apenas o Trecho 1 do Sol Nascente está com obras de drenagem e pavimentação avançadas, cerca de 90%. No entanto, nos outros dois trechos o processo ainda está sendo embrionário.

Vendo as máquinas sempre paradas Maria Cléia se diz confusa. “Uma hora eles fazem um pouco, na outra eles tiram o que fizeram para fazer de novo. E isso nunca acaba”, conta a moradora.

“Eles acham que vir aqui fazer um asfalto mais ou menos, passar uma rede de esgoto vai solucionar o problema de sermos esquecidos, mas não vai. Não é só isso que a gente precisa na região”, reclama a dona de casa.

“Faltam hospitais, transporte, parquinhos para as crianças brincarem”, afirma. “Quando levo meu filho mais velho para o médico na Ceilândia, ela fica todo animado ao ver uma academia pública, porque ele acha que aquilo é um parquinho. E eu não tenho o que fazer, deixo ele lá tentando brincar nos equipamentos. Isso me dói por dentro”, diz.

Para ela, o sonho é de que o Sol Nascente seja reconhecido. “Meu desejo é que valorizem onde eu moro. Assim, os governantes vão nos enxergar e trazer parquinhos, escolas, hospitais e outros para a região”.

COMPARTILHE