Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Bizu

Governo monitora Lula para evitar sangue nas ruas

Pretta Abreu

Agentes do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República e uma equipe de delegados da Polícia Federal estão monitorando os passos de Lula. O GSI e a PF não admitem, mas conversas estão sendo gravadas. O Palácio do Planalto não quer ser pego de surpresa com a invasão das ruas pelo lulapetismo. O temor é de que o tom agressivo utilizado pelo ex-presidente desde que deixou a prisão, há 10 dias, inflame movimentos sociais. E que se repitam aqui cenas como as que vêm ocorrendo no Chile e na Bolívia. As forças de segurança avaliam que o novo Lula radical que emergiu com força extravasando 580 dias de cadeia pode acirrar os ânimos. Os sem-terra e os sem-teto também estão na mira dessa operação ‘abafa’. Um influente assessor do Planalto revelou a Notibras que se as crises chilena e boliviana respingarem aqui, pode haver um rio de sangue.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente