Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Esportes

GP da Hungria pode ter chuva e muita emoção

Mário Camargo, Edição

Tem mais Fórmula 1 neste domingo, 4. E pode acontecer alguma surpresa, como a ocorrida em Silverstone, na semana passada, quando a chuva mudou o quadro e os protagonistas ficaram para atrás de gente que poucas vezes sobe ao pódio.

Nesta sexta, 2, primeiro dia de treinos do GP da Hungria, no circuito de Hungaroring, Lewis Hamilton mostrou toda a sua potência venceu a primeira sessão livre, mas acabou sendo superado na sequência, quando a RBR, encabeçada por Pierre Gasly, levou a segunda abertura.

No primeiro treino, o inglês da Mercedes cravou 1m17s233 e obteve 0s165 de vantagem sobre o segundo colocado Max Verstappen, vencedor no último domingo. Hamilton, no entanto, mostrou contundência na marca ao fazê-la com pneus médios, contra os macios do rival.

Com 0s001 de diferença ao holandês, Vettel foi o terceiro, enquanto Bottas teve mais uma sessão para esquecer. Por conta de problemas no motor, o finlandês sequer conseguiu completar uma volta. Pierre Gasly e o Kevin Magnussen fecharam o top 5, com Leclerc em sexto.

Depois de um treino livre em que a chuva deu as caras em determinados momentos, mas com pouca intensidade, os pilotos tiveram que lidar com a pista molhada na segunda sessão, e foi desse modo que a RBR estipulou os dois melhores tempos.

Gasly fez 1m17s854 e ficou com a melhor marca, seguido do companheiro Verstappen, atrás por apenas 0s055. Hamilton ficou em terceiro, já Bottas, recuperado dos problemas, e Ricciardo fecharam o pelotão dos cinco melhores.

O treino oficial para o grid de largada será realizado no sábado, 3.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente