Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Bicho vai pegar

Hamilton e Verstappen dividem a primeira fila no Catar

Publicado

Foto/Imagem:
Antônio Albuquerque, Edição - Foto Hamad Mohammad

O britânico Lewis Hamilton larga na pole no GP do Catar, deste domingo, 21, tendo ao seu lado o holandês Max Verstappen. A primeira fila inverte as posições no Campeonato Mundial de Fórmula 1. O piloto da Mercedes é o segundo colocado, com o da Red Bull em primeiro. O grid tem tudo para esquentar a corrida de inauguração do Circuito Internacional de Losail. Somente os dois têm condições de ser campeões da atual temporada.

Atrás da dupla, aparecem Valtteri Bottas. Pierre Gasly, Fernando Alonso, Lando Norris, Carlos Sainz, Yuki Tsunoda, Esteban Ocon e Sebastian Vettel fechando as dez primeiras colocações do grid.

Após disputas equilibradas no Q1 e Q2, o top 10 ficou sem nomes como Charles Leclerc e Daniel Ricciardo, que ocupam posições altas no ranking geral. Para a infelicidade da Red Bull, Sérgio Perez também ficou de fora. Já Hamilton foi consistente, com a segunda melhor volta na primeira bateria e a primeira melhor na segunda, enquanto Verstappen liderou o Q1, mas terminou o Q2 em quarto lugar.

“Eu acho que faltou um pouco de ritmo, Tem sido um pouco mais difícil para nós. Perez nem passou para o Q3, isso demonstra como não fomos bem”, comentou Verstappen depois da classificação. “É muita coisa nova para gente, temos que pensar na largada e depois ver o que vai acontecer”, completou.

Melhor que o rival holandês durante todo o final de semana, Hamilton manteve a consistência no Q3. Logo de cara, estabeleceu a marca de 1min21seg262, antes de baixar para 1min20s827. Uma bandeira amarela acionada por Gasly nos últimos segundos, por causa de pneus furados, impediu que Bottas e Verstappen tentassem melhorar as marcas, o que já seria difícil de qualquer maneira.

“É minha primeira vez correndo aqui. Ontem, foi um dia muito difícil para nós, tive que me esforçar bastante, trabalhar bastante com os engenheiros, trabalhadores espetaculares, fizeram mudanças que funcionaram, e eu agradeço muito. A última volta foi muito boa, essa pista é maravilhosa”, celebrou Hamilton ao final do treino.

O GP do Catar está marcado para as 11 horas deste domingo, no horário de Brasília. No fuso local, contudo, o relógio estará marcando 17 horas, portanto a corrida será noturna, assim como foi o treino classificatório.

Publicidade
Publicidade