Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Brasília

Internação da ‘melhor idade’ cai mais de 100%

Carolina Paiva, Edição

A Secretaria de Saúde continua registrando queda nas internações de idosos com 80 anos ou mais em leitos de UTI. Em março, quando comparou-se com fevereiro – mês em que essa população começou a ser vacinada contra a covid-19 no DF -, os números já revelavam a queda. Em abril, observa-se também redução nas internações de pessoas na faixa etária de 75 e 79 anos, que já foram vacinados com a primeira dose no DF.

A vacinação para quem tem 75 anos começou no dia 4 de março. Segundo o secretário de Saúde, Osnei Okumoto, “é possível considerar a vacinação como um dos fatores mais importantes para a redução da gravidade das infecções, o que pode ter contribuído para a redução dessas internações”. Okumoto considera “o ritmo de vacinação no DF muito bom e, por isso mesmo, é preciso agradecer aos profissionais de saúde pelo empenho e dedicação”.

A queda nas internações em UTI de idosos com mais de 80 anos foi de 144,44% comparando janeiro até o início de abril. Já para aqueles com idade entre 75 e 79 essa queda foi de 106,25%.
A diminuição do número de internações em UTI de idosos com mais de 80 anos foi de 144,44% comparando janeiro até o início de abril. Já para aqueles com idade entre 75 e 79 essa queda foi de 106,25%.

Entretanto, o que se observa nos primeiros meses de 2021 é que as internações de pessoas entre 25 e 59 anos aumentou de forma significativa. Passaram de 76 internações em janeiro para 202 em abril.

Atualmente, a rede pública de saúde conta com 430 leitos de UTI para atender pacientes com Covid-19. Sobre a vacinação, até momento, 303.535 pessoas do grupo prioritário foram vacinados no DF, o que representa 13,13% do público-alvo vacinado com a primeira dose. A cobertura vacinal considera a população que atualmente pode receber a vacina, que são pessoas com 18 anos ou mais.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2021 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente