Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Clipes no aplicativo e site

JK FM inicia uma nova era no rádio brasileiro

Publicado

Foto/Imagem:
Malu Oliveira, Edição/Via Empório Comunicação - Foto Divulgação

Integrante do Sistema de Rádios PaulOOctavio, a JK FM (102,7) voltou a inovar e passou a transmitir imagens de seus estúdios, de locutoras e locutores, das músicas e dos anúncios em seu site e no aplicativo, disponível gratuitamente na App Store e na Google Play. É a primeira emissora da capital a unir áudio e vídeo em suas transmissões. Para celebrar esta revolução no rádio e apresentar o projeto JK Plus ao mercado, uma festa reuniu personalidades, representantes de agências de publicidade e clientes. A dupla George Henrique e Rodrigo fez um show exclusivo para os 100 convidados.

Antes da apresentação, o secretário de Comunicação do DF, Weligton Moraes, deu uma entrevista exclusiva aos apresentadores Bibi e Jorge Eduardo, com a participação especial do empresário Paulo Octávio. Na ocasião, além de elogiar as novas instalações da JK FM, localizadas no Terraço Shopping, Weligton Moraes fez uma análise completa das mais recentes ações do governo Ibaneis Rocha e revelou, com exclusividade, os novos projetos do GDF para este ano, destacando, entre eles, a conclusão das obras do Túnel de Taguatinga.

Proprietário do Sistema de Rádios PaulOOctavio, o empresário disse que a rádio entra em uma nova era da comunicação. “Estamos em uma era visual e de convergência de plataformas, e a JK FM ingressa com força neste novo mundo. Graças ao nosso diretor-geral Anderson Carlos, o projeto foi executado em tempo recorde”, avaliou. O desenvolvimento do JK Plus custou à emissora um total de R$ 200 mil, distribuídos no investimento para a criação da plataforma, nas obras e na preparação visual de todo o material veiculado, entre videoclipes e anúncios.

Segundo Anderson Carlos, os recursos foram investidos pela própria emissora. “No final do ano passado, começamos a desenhar o projeto, racionalizando gastos, até chegar ao momento atual, quando tudo estava pronto para ir ao ar”, contou. O JK Plus teve várias fases de implantação e obras, chegando ao seu ápice em março, quando toda a biblioteca de vídeos já estava sincronizada, para que não houvesse delay (atraso) nas transmissões. “Só levamos o projeto ao ar quando tudo estava perfeito, tanto para nosso público quanto para o mercado anunciante”, acrescenta.

Com isso, agora, o ouvinte da JK FM pode sintonizar a emissora em seu rádio, apenas com som. No site www.jkfm.com.br e no aplicativo é possível assistir à programação ao vivo, com imagens dos clipes das músicas tocadas.

Publicidade
Publicidade