Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Metade das pessoas que se separa sente vergonha do fracasso

Publicado

Foto/Imagem:


Apesar de o divórcio ser cada vez mais comum, quase metade das pessoas que se separam sente vergonha e fracasso. Segundo pesquisa da empresa de advocacia Slater e Gordon, do Reino Unido, as mulheres são duas vezes mais propensas que os homens a terem esses sentimentos. Os dados são do jornal Daily Mail.

O levantamento coletou dados de 1 mil divorciados. Constatou-se que, embora a preocupação com os filhos seja um dos motivos mais comuns para que os voluntários permanecessem por mais tempo em um casamento infeliz, um em 10 disse que continuou tentando levar o relacionamento porque há um estigma em ser divorciado.

Mais de um terço sabia que “ser separado seria visto como um fracasso pessoal” e, portanto, tentou salvar o casamento. Quase um terço quis permanecer junto com o parceiro porque acreditava que casamento era para sempre.

Quase seis em 10 contaram que perderam amigos após o divórcio e um em seis afirmou que perdeu todos eles. Para as mulheres, foi duas vezes mais difícil fazer novos amigos. A média de tempo para que as pessoas sentissem que a vida emocional estava “nos trilhos” é de quase quatro anos.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade
Publicidade