Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


São Paulo

Mistério ronda ossos estranhos; pata animal ou mão de ET?

Publicado

Foto/Imagem:
Bartô Granja, Edição - Foto Reprodução

Leticia Gomes Santiago e seu namorado Devanir Souza estavam caminhando na praia da Ilha Comprida, em São Paulo, no último dia 20 de novembro, quando fizeram uma descoberta incomum – uma mão esquelética assustadora.

“Achamos que não é humano por causa do tamanho e quantidade de ossos. O que poderia ser?”, questionou  Letícia, sugerindo que a descoberta poderia ser parte de um alienígena.

O casal filmou a mão com longos dedos ossudos ao lado do chinelo de Letícia para ilustrar o tamanho do achado.

As imagens foram analisadas pelo biólogo marinho Eric Comin, que disse que a mão (no cso, uma suposta pata) provavelmente pertencia a um cetáceo – mamíferos aquáticos cujos membros incluem baleias e golfinhos – e, a julgar pela decomposição, o animal morreu há cerca de 18 meses.

Suas deduções foram feitas à primeira vista, observando que seriam necessários mais testes para identificar exatamente a qual criatura marinha pertencia a misteriosa descoberta – embora ele esteja convencido de que provavelmente era um golfinho.

Publicidade
Publicidade