Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Saúde

Mitos e verdades sobre a estética íntima

Carolina Paiva, Edição

Toda a pele está suscetível a ter manchas, no entanto, algumas regiões podem ter ainda mais, como as axilas, cotovelos, joelhos, virilha e região íntima, devido a fatores internos, como a genética, e externos, como atritos. Com isso, muitas buscam intervenção cirúrgica ou procuram alternativas para tratar essa região. Assim, a estética íntima vem sendo uma excelente aliada de várias pessoas que desejam melhorar a aparência de várias partes do corpo. Procedimentos e técnicas surgem como resultado de avanços tecnológicos em estética, eletroterapias e cosmiatria que, juntos, resultam em determinados tratamentos para uma região com perfil específico de sensibilidade.

Alterações fisiológicas relacionadas ao envelhecimento intrínseco genital somam-se a fatores como obesidade, tabagismo, má alimentação, modificações hormonais, processos mecânicos (depilações), gestações, uso de determinadas medicações, vestuário inadequado e até componentes genéticos que podem agravar ou causar alterações estéticas significativas na região genital do homem e da mulher.

Esses tratamentos segmentados para áreas específicas do corpo têm a funcionalidade de tratar essas regiões com produtos específicos por serem áreas que necessitam de cuidados mais especiais devido às suas características como pele mais fina e tendência a flacidez. No entanto, ainda existem muitas dúvidas a respeito da estética íntima, assim como alguns mitos difundidos. Diante disso, convidamos a Adélia Mendonça, especialista em dermocosméticos, para esclarecer se algumas informações são mito ou verdade, nesse assunto.

Mitos e verdades

1- Estética íntima é voltada apenas para mulheres
Mito. A estética íntima é voltada para homens e mulheres.

2 – Trata apenas a região vaginal e ânus
Mito. Ela trata também regiões como axilas, joelhos, cotovelos e parte interna de coxas.

3- Melhora a vida sexual
Verdade. Melhora a vida sexual, pois a pessoa se sente mais segura e mais à vontade com o seu parceiro.

4- Melhora a autoestima
Verdade. Melhora seu aspecto estético, resgatando a autoestima e proporcionando uma melhor qualidade de vida.

5- O resultado será o mesmo para qualquer pessoa
Mito. São vários os fatores que podem influenciar no resultado final, como o uso de produtos home care, o seu fototipo, se há sensibilidade na área a ser tratada e os devidos cuidados durante o tratamento. Também é preciso considerar que cada indivíduo reage de uma forma distinta ao tratamento.

6 – Os procedimentos são doloridos
Mito. Os procedimentos estéticos são bem toleráveis.

7 – Podem ser feitos em casa
Verdade. Hoje existem produtos para serem utilizados home care, que podem ser um complemento de tratamentos feitos em clínicas de estética, oferecendo excelentes resultados.

8- É o mesmo que cirurgia íntima
Vai depender da necessidade, se é somente o uso de terapias associadas ao uso de cosmiatria ou caso para cirurgia. Hoje, o Brasil é líder no ranking mundial de cirurgia de ninfoplastia.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente