Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Brasil

Nível da educação melhora, mas deixa a desejar

Bartô Granja, Edição

Apesar de o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) do ensino médio brasileiro ter avançado nos últimos anos, o país ainda está distante do projetado e apenas o estado de Goiás chegou na meta estabelecida na edição de 2019 da avaliação.

A média nacional na avaliação subiu de 3,8 pontos, em 2017, para 4,2, mas continuou distante da meta traçada para 2019, de 5 pontos. Houve uma ligeira queda, de 0,1 p.p, entre a diferença da nota e da média (em 2017, a meta era de 4,7 e o resultado alcançado pelo Brasil foi de 3,8).

Os resultados do Ideb foram divulgados nesta terça-feira (15) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), em Brasília.

Em comparação com a avaliação anterior, de 2017, todos os estados apresentaram aumento na nota do Ideb, exceto Sergipe, que se manteve estável. Goiás, com 4,8 pontos, foi o único a atingir a meta (também de 4,8 pontos).

“Existem algumas regiões que não vão ter os dados perto da realidade. Esses dados só não vem mais perfeitos, porque o município ou região não mandaram os dados como a gente queria”, disse o ministro da Educação, Milton Ribeiro.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente