Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Brasília

O que você precisa saber sobre a Quaresma

Horóscopo Virtual - Carolina Paiva, Edição

Você pode não saber a origem ou o real significado, mas com certeza já ouviu falar da Quaresma. O período, considerado um dos eventos principais da Igreja Católica, inicia-se na Quarta-Feira de Cinzas, quando se encerra o Carnaval, e termina no Domingo de Ramos, uma semana antes da Páscoa.

A Quaresma tem esse nome em razão da sua duração, que é de aproximadamente 40 dias. Durante esse tempo, são sugeridas algumas recomendações, entre elas que não se consuma carne, especialmente às sextas-feiras (incluindo a Sexta-Feira Santa) e na Quarta-feira de Cinzas.

Isso porque, no calendário cristão, essa é uma época de reflexão e sacrifícios, funcionando como uma preparação espiritual para a Páscoa, que é a celebração da ressurreição de Jesus Cristo. Portanto abdicar da carne, sempre relacionada à fartura e grandes banquetes, remete à humildade e à benevolência.

Significados
Segundo a Bíblia, o número 40 tem várias simbologias: Jesus passou quarenta dias no deserto, o dilúvio durou quarenta dias, Moisés passou quarenta dias no Monte Sinai, além de o número 4 simbolizar também o universo material.
A cor litúrgica da Quaresma é o roxo, que simboliza luto e dor, justamente por esse ser um tempo de reflexão, espera e sacrifícios.

Orar, doar, jejuar
Na Quaresma, três preceitos essenciais devem ser seguidos: a oração, a caridade e o jejum. A oração é fundamental para manter proximidade com Deus durante esse momento mais introspectivo. A oração também serve como reflexão para lembrar do sofrimento de Jesus na cruz. Muitas pessoas aproveitam esse período para fazer promessas, já que é um ótimo momento para reavaliar erros e pensar em como fazer diferente no futuro.

Partilhar o pão com o próximo é uma atitude generosa, e durante esses 40 dias, deve ser praticado impreterivelmente – mas você pode adotar esse gesto no resto do ano também. Realizar boas ações, trabalhar nossa empatia e deixar de lado pensamentos mesquinhos e egoístas também faz a gente ficar mais perto de Jesus, já que esses foram seus ensinamentos. Jejum e abstinência são também essenciais durante a Quaresma. Para os católicos, o jejum consiste em fazer apenas uma refeição completa por dia.

No caso da abstinência, preconiza-se que seja suspenso o consumo de carne. Ambos os sacrifícios são um sinal de humildade, além de propor uma reflexão sobre as necessidades terrenas e focar nossa atenção para a vida eterna e o sagrado. Em síntese, a Quaresma é época de reflexão e crescimento. E para os fiéis, são atos que os aproximarão de Deus, por meio do amor e da fé. Indubitavelmente esse também é um período em que devemos ficar longe de pensamentos negativos – como ódio, inveja e mágoa –, aproveitando esses dias para evoluir e ser uma pessoa cada vez melhor.

E as outras religiões?
Apesar de relacionarmos a Quaresma como um evento da Igreja Católica, outras religiões têm cerimônias similares. Os judeus comemoram, nessa mesma época, o Pessach, também conhecido como “festa de libertação”, que celebra a libertação dos judeus escravizados no Egito, exaltando também a união do povo judeu.

Já os evangélicos, além de relembrarem o sofrimento de Jesus, também destacam o período em que Moisés jejuou no Monte Sinai. Entretanto, diferentemente dos católicos, pregam que o jejum e a oração sejam praticados diariamente e não somente nessa época do ano. Embora não comemorem a Páscoa, os muçulmanos também passam por um período de reflexões durante um mês do ano. No chamado Ramadã, o jejum é praticado do nascer ao pôr do sol.

As lições que ficam
A Quaresma é o tempo de preparação para a Páscoa, que é, por sua vez, época de renovação. Dessa maneira, devemos aproveitar esse período para buscar autoconhecimento, avaliar nossos erros e acertos e ainda aprofundar nosso conhecimento sobre a vida. Por fim, esse é o momento ideal para agradecer por tudo que temos e sermos mais generosos com as pessoas ao nosso redor. A Quaresma nos ensina, portanto, a refletir sobre quem somos, a fim de nos tornarmos pessoas melhores.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente