Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Xandão manda ver

PL, de Bolsonaro, volta a atacar urnas eletrônicas

Publicado

Foto/Imagem:
Pretta Abreu - Foto de Arquivo

Ordem e Alexandre de Moraes, presidente do TSE: integrantes do PL, de Jair Bolsonaro, começam a ser investigados por produzirem um relatório com informações “falsas e mentirosas” sobre a segurança das urnas eletrônicas. A legenda divulgou nesta quarta-feira, 28, documento em que, mesmo sem provas, afirma que o resultado da eleição pode ser fraudado. Xandão determinou que o documento seja remetido ao STF para ser incluído no inquérito das fake news. O ministro cita a possível responsabilização criminal dos idealizadores. O texto divulgado pelo PL conta com o carimbo do partido, mas não possui a assinatura de nenhum de seus quadros.

Publicidade
Publicidade