Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Mulher

Planta da maconha entra na linha dos cosméticos

Carolina Paiva, Edição

Tem novidade no mercado da beleza. É o óleo da planta da maconha, que tem substâncias com propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias. Agora, feche os olhos e imagine-se incorporando a cannabis na sua rotina de grooming? Isso está sendo possível graças à aposta de grandes marcas na produção de cosméticos com as substâncias não psicoativas da erva.

Enquanto em vários países mundo afora o uso médico e recreativo de Cannabis sativa tem ganhado força, a indústria cosmética tem surfado essa onda e popularizado os efeitos embelezadores das substâncias extraídas da maconha. Segundo estudos, o óleo da planta tem substâncias com propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias e que seriam, portanto, benéficas para a pele.

Nos Estados Unidos e na Europa, cada vez mais produtos de beleza com canabidiol chegam às prateleiras das farmácias e perfumarias. De óleos a cremes para as mãos ou sérum para o rosto e até máscaras, muitas são as propostas que prometem tornar esta substância na nova tendência do grooming.

A britânica The Body Shop, por exemplo, tem uma linha inteira com produtos à base de Cannabis que são verdadeiros best sellers no exterior. Os produtos fazem parte de uma linha indicada para peles extremamente secas, pois têm propriedades hidratantes e protetoras intensas.

A Kiehl’s, marca da L’Óreal e que saiu recentemente do Brasil, também investiu no óleo da semente de cânhamo para criar um concentrado facial com propriedades calmantes e que promete reduzir a vermelhidão da pele.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente