Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


300 mil reais

Roberto Jefferson condenado por chamar Eduardo Leite de viado

Publicado

Foto/Imagem:
Pretta Abreu - Foto de Arquivo

A Justiça gaúcha condenou Roberto Jefferson, presidente nacional do PTB hoje bolsonarista de carteirinha, por crime de homofobia contra Eduardo Leite. Logo após se declarar homossexual em entrevista ao Conversa com Bial, da TV Globo, o governador do Rio Grande do Sul foi ofendido pelo ex-deputado com ofensas nas redes sociais e em declarações à Rádio Bandeirantes, como comportamento “típico de viado”: “Ele (Eduardo Leite) faz papel de viado, não é um papel de homem, esse ódio ao povo, ódio à família”, disse Roberto Jefferson, que como consequência terá de pagar 300 mil reais ao Fundo de Reconstituição dos Bens Lesados.

Publicidade
Publicidade