Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Casa e Decoração

Sangue novo valoriza o design nacional e autoral

Foto/Divulgação
Roberta Cardoso

Valorizar o design nacional e autoral. Esta é uma iniciativa que está mudando a forma como a Breton, uma das mais renomadas marcas de mobiliário de luxo do País, se posiciona no mercado. Pelo segundo ano consecutivo, a marca convidou designers em ascensão no mercado, além de 11 profissionais independentes, para desenvolver sua coleção anual. Este ano, a partir do tema Desejo de Família. “Partindo de um ideia central, que é sempre a mesma, a vida em família, nossa intenção foi expressar o prazer de sentir à vontade em casa com os seus. Com muito conforto, mas também atentos à questão da sustentabilidade”, explica Marcel Rivkind, presidente da Breton.

Para os profissionais escalados para a tarefa, que incluía móveis para áreas internas, externas e em transição, o principal atrativo continua sendo a oportunidade de verem seus trabalhos produzidos, e comercializados, em uma escala muito maior do que conseguiriam alcançar em seus ateliês e pequenos estúdios.

“É muito importante para um iniciante que uma empresa do porte da Breton invista no design autoral. Isso valoriza a originalidade de cada trabalho e traz um diferencial para a marca”, diz a designer Bianca Barbato, que pela segunda vez integrou o time de profissionais, neste ano, assinando a coleção Parquet. Já o estreante Murilo Weitz conta que a disposição da marca em olhar para os novos designers, sem esquecer dos mais experientes, provoca um mescla interessante de ideias.

“Para desenvolver a poltrona Argolas, uma das peças da minha coleção, parti da minha identidade e procurei integrá-la ao perfil da marca. No caso, minha criação sempre tende a valorizar as formas geométricas e cilíndricas, que gosto muito. A identidade da marca, que prioriza o uso de materiais sofisticados, veio completar a equação, imprimindo o padrão de qualidade Breton aos móveis”, explica.

Rumo a um futuro onde, cada vez mais, os móveis da marca prometem crescer em termos de design e acabamento, Rivkind garante que a renovação é uma preocupação permanente da Breton . “As empresas que progridem são as que não param de inovar e são nelas que procuro me espelhar”, finaliza.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente