Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Brasil

Terra de ninguém, Nordeste pode ser verdadeiro oásis

Bartô Granja, Edição

A agropecuária nordestina acaba de ganhar um instrumento importante para o seu desenvolvimento. A Portaria 164, de 16 de agosto, publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 19, estabelece no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento o Plano de Ação para o Nordeste (AgroNordeste).

A criação do AgroNordeste foi uma determinação expressa do presidente Jair Bolsonaro à ministra Tereza Cristina. Antes terra de ninguém – no sentido de estar sempre abandonado, com o povo vivendo às custas de programas sociais – a região passa a ser vista como potencial oásis, capaz de gerar riquezas, emprego e renda.

Os recursos do AgroNordeste serão repassados por meio de carteiras específicas do Banco do Brasil numa estratégia que envolve o Banco do Nordeste, a Sudene e organismos estaduais.

Essa é uma das iniciativas para integrar os nordestinos ao crescimento do País. Esse novo passo vai apoiar a organização das cadeias agropecuárias da região para ampliar e diversificar os canais de comercialização, “atuando com pertinência social, ambiental e econômica e buscando aumentar a eficiência produtiva e o benefício social”.

De acordo com a portaria, o plano trabalhará também na identificação de obstáculos que travam a competitividade de setores da agropecuária nordestina com potencial de crescimento e apoiar a melhoria dos sistemas produtivos, do beneficiamento e do processamento de produtos.

O AgroNordeste trabalhará também no acesso dos produtores a crédito, assistência técnica e tecnologias, objetivando o desenvolvimento de produtos com maior valor agregado e de estratégias de convivência com a seca.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente