Curta nossa página
Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Unidades Básica de Saúde

Testes de Covid aumentam 114% em uma semana

Publicado

Foto/Imagem:
Carolina Paiva, Edição - Foto Divulgação

Em uma semana, de 30 de maio a 4 de junho, as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do Distrito Federal realizaram 18.003 testes de covid-19. O levantamento é o mais recente compilado pela Secretaria de Saúde e o número representa aumento de 114% frente à semana anterior, quando ocorreram 8.392 procedimentos.

A secretaria dispõe de mais de 520 mil testes em estoque. A orientação da pasta é que a população procure uma das 175 UBSs em caso de suspeita de covid-19. As unidades funcionam das 8h às 17h – clique aqui para saber qual a UBS de referência a partir do CEP da residência.

Na manhã desta terça-feira (14), o policial Marcus Vinicius, 38 anos, compareceu à UBS 2 do Cruzeiro para testar a filha e descobriu que os dois estavam com covid-19. “Viemos aqui porque está mais tranquilo”, explicou.

Pai e filha foram atendidos na tenda montada ao lado da unidade e receberam orientação médica assim que foi confirmado o resultado do exame. Na unidade, antes de fazer o teste, o paciente responde a perguntas sobre sintomas e contato com pessoas confirmadas com covid-19.

Na UBS 1 da Asa Sul, a cuidadora de idosos Adileuza Pereira da Silva, 57 anos, decidiu fazer o exame por precaução. O autoexame feito em farmácia deu resultado positivo, então ela buscou a unidade da Secretaria de Saúde para confirmar. “Não tive sintomas graves, mas não sei como será se alguém pegar de mim”, disse, preocupada.

Já o garçom Lucas Taffarel Oliveira, 27 anos, contou que já se sentia melhor após alguns dias com sintomas, mas mantém o alerta por causa do trabalho. “Eu trabalho com comida, converso com as pessoas. Preciso me cuidar”, relatou.

A gerente da unidade, Séfora Hamada, informou que ali são feitos 400 exames de covid-19 diariamente. Isso porque conta com o apoio do Sesc, instituição que também atua no ponto de testagem em funcionamento na Rodoviária do Plano Piloto, com funcionamento das 8h às 17h.

Esses dois locais atendem a pessoas de qualquer parte do Distrito Federal, mas quem mora na Asa Sul ou na Vila Telebrasília, em caso de contaminação confirmada, recebe atendimento na UBS 1. “Todas as pessoas que testam positivo são orientadas e, em caso de necessidade, fazemos a remoção para um hospital”, detalhou a gerente.

As UBSs também são locais de referência para o atendimento de outras doenças, como resfriados e dengue. Os hospitais e as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) devem ser procurados em situações de urgência e de emergência.

Publicidade
Publicidade