Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Mundo

Trump ensina que caminho ideal da riqueza é o calote

Bartô Granja, Edição

Donald Trump pagou apenas US$ 750 (R$ 4,1 mil) em imposto de renda federal tanto em 2016, ano em que concorreu à Presidência dos Estados Unidos, quanto em seu primeiro ano na Casa Branca, diz o jornal americano The New York Times.

O jornal — que afirma ter obtido registros fiscais de Trump e de suas empresas ao longo de duas décadas — também afirma que ele não pagou nenhum imposto de renda em 10 dos 15 anos anteriores.

Os registros revelam “perdas crônicas e anos de evasão fiscal”, diz. Trump chamou o relatório de “notícia falsa” (“fake news”, em inglês).

“Na verdade, eu paguei impostos. E vocês verão que isso assim que minhas declarações de impostos… que estão sob auditoria, estão sob auditoria há muito tempo”, disse ele a repórteres depois que a reportagem foi publicada no domingo.

“O IRS [Internal Revenue Service, a receita federal americana] não me trata bem… Eles me tratam muito mal”, disse ele.

Trump já enfrentou problemas jurídicos por se recusar a compartilhar documentos relativos à sua fortuna e negócios. Ele é o primeiro presidente desde os anos 1970 a não divulgar suas declarações de impostos, embora isso não seja exigido por lei.

O New York Times disse que as informações em sua reportagem foram “fornecidas por fontes com acesso legal a elas”.

A reportagem foi publicada poucos dias antes do primeiro debate presidencial de Trump com o rival democrata Joe Biden e semanas antes da eleição de 3 de novembro.

O New York Times disse que analisou as declarações de impostos relacionadas ao presidente Trump e às empresas pertencentes à Organização Trump desde a década de 1990, bem como suas declarações pessoais para 2016 e 2017.

O jornal afirma que o presidente pagou apenas US$ 750 em imposto de renda em 2016 e 2017, e que não pagou nenhum imposto de renda em 10 dos 15 anos anteriores, “principalmente porque ele relatou ter perdido muito mais dinheiro do que ganhou”.

Antes de se tornar presidente, Trump era conhecido como um empresário celebridade e magnata do setor imobiliário.

Mas o jornal diz que suas declarações para o IRS “retratam um empresário que ganha centenas de milhões de dólares por ano, mas que ainda assim acumula perdas crônicas que ele emprega agressivamente para evitar o pagamento de impostos”.

Em um processo público, o presidente Trump disse que ganhou pelo menos US$ 434,9 milhões (cerca de R$ 2,4 bilhões) em 2018. O jornal contesta isso, alegando que suas declarações de impostos mostram que o presidente havia ficado no vermelho, com US$ 47,4 milhões (cerca de R$ 263 milhões) em perdas.

A Organização Trump fez coro ao presidente ao negar as alegações da reportagem.

O diretor jurídico da empresa, Alan Garten, disse ao New York Times que “a maioria, senão todos, os fatos parecem ser imprecisos”.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente