Curta nossa página


Vasco se despede da B com derrota para Avaí, que volta à elite

Publicado

Autor/Imagem:


O Avaí conseguiu o improvável neste sábado: venceu o Vasco e garantiu seu retorno à Série A do Campeonato Brasileiro. Vencer a equipe carioca, que apenas cumpria tabela na última rodada da Série B, era o menor dos problemas.

Além da vitória, os catarinenses precisavam torcer por tropeços de Atlético-GO, contra um Santa Cruz já sem objetivos, e Boa Esporte, que visitou o já rebaixado Icasa. E a torcida contra deu certo.

Os goianos e mineiros perderam de virada para os pernambucanos e cearenses, respectivamente. Com essa combinação, o triunfo por 1 a 0, com gol anotado pelo experiente capitão Marquinhos, coroou o ano do time alviceleste.

Com uma campanha regular, a equipe comandada por Geninho terminou a competição na quarta posição com 62 pontos, sendo 18 vitórias, oito empates e doze derrotas. Essa foi sua terceira participação seguida na Série B, já que foi rebaixada em 2011, na última posição.

O Vasco, que só cumpria tabela, termina com o terceiro lugar, com 63 pontos e agora já com a cabeça na Série A. No primeiro turno, o Avaí goleou os cariocas por 5 a 0, partida que culminou com a demissão do técnico Adilson Batista.

O acesso era tão improvável que os torcedores catarinenses nem ao menos lotaram a Ressacada neste sábado. Apesar de já garantido na primeira divisão em 2015, o Vasco não quis saber de facilitar a vida dos catarinenses e deu muito trabalho para o Avaí.

No primeiro tempo, os vascaínos tiveram quatro chances claras para abrir o marcador, mas com o goleiro Vagner inspirado e a trave no meio do caminho, ficaram apenas no “quase”. O Avaí também teve boas oportunidades, mas Jordi mostrou competência e salvou a equipe de Joel Santana.

O arqueiro do Vasco, porém, pouco pode fazer aos 27min, quando Diego Renan derrubou Roberto dentro da área. O experiente Marquinhos, capitão da equipe, bateu o pênalti forte, no meio, sem chances de defesa.

Na segunda etapa, já sabendo dos resultados favoráveis dos adversários diretos, o Avaí quase matou a partida, mas continuou esbarrando na boa atuação do goleiro vascaíno. Aos 44min, porém, ainda sofreu um susto. Maxi Rodríguez cobrou falta com efeito e Vagner se desdobrou para espalmar a escanteio.

Apesar do apito final, os jogadores e comissão técnica ficaram aguardando no gramado o término de todos os jogos para, enfim, comemorar o acesso.

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade

Copyright ® 1999-2023 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.