Curta nossa página


Dutch   English   French   German   Italian   Portuguese   Russian   Spanish


Saúde

Vegetarianos e veganos podem fazer dieta low carb?

Gabriela Marçal

A low carb é bastante conhecida por basear a alimentação em consumo de proteínas e reduzir a ingestão carboidratos. E quando se fala em proteína é comum logo se pensar em alimentos de origem animal como frango, carnes vermelhas e peixes. Portanto, é habitual que muitas pessoas pensem que vegetarianos e veganos não podem ou não conseguem seguir essa dieta. Esse raciocínio está errado, pois existe uma variedade de vegetais que podem oferecer proteínas.

“Nos produtos de origem vegetal nós temos aquilo que chamamos de salada que são os legumes e as folhas que são muito pobres em carboidrato, mas são ricos em fibras. Esses podem fazer parte de qualquer tipo de dieta low carb, seja ela com produtos de origem animal ou não”, explica o médico José Carlos Souto, diretor-presidente da Associação Brasileira LowCarb (ABLC).

Muito mais do que cortar carboidratos, a low carb desestimula o consumo de industrializados e ultraprocessados. Indica-se também evitar comer alimentos ricos em açúcares, farináceos e o excesso de amido, que se transformam em glicose no sangue, levando ao aumento do hormônio insulina e, assim, ao maior armazenamento de gordura no corpo.

“Uma dieta vegana ou vegetariana quando composta de alimentos naturais ela já é ricamente low carb. Quem faz a dieta low carb vegana consegue ter em um primeiro mês – que seria o ideal para fazer este tipo de alimentação – um emagrecimento de quatro a cinco quilos”, diz a nutricionista Aline Ruffi.

Mas vegetarianos e veganos não precisam viver apenas de salada. Além das folhas, a low carb permite o consumo de vegetais com pouco amido, como couve-flor, berinjela, brócolis, cenoura, abobrinha, tomate, beterraba (com moderação), cebola e alho.

Além das proteínas, a dieta low carb inclui as gorduras boas para se obter energia. “Nós temos então as oleaginosas: nozes, castanhas, amêndoas, que são ricas em gordura e proteínas, mas são pobres em carboidrato. Temos também o coco e o abacate que são frutas ricas em gordura e pobres em carboidrato. E, claro, o azeite de oliva e o óleo de coco”, afirma Souto.

Publicidade

Copyright ® 1999-2019 Notibras. Nosso conteúdo jornalístico é complementado pelos serviços da Agência Brasil, Agência Brasília, Agência Distrital, Agência Estadão, Agência UnB, assessorias de imprensa e colaboradores independentes.

Segue a gente